NÚMERO MENOR DE REFUGIADOS DIMINUEM OS CRIMES
 

 


 

Visível queda de números de ataques envolvendo refugiados

Por Manfred Rey

NORDKURIER

Potsdam, 03 de junho de 2017


Desde que menos refugiados chegaram a Brandenburg, o números de violência contra estrangeiros, decai de maneira igual.


Durante os três primeiros meses do ano de 2017, a polícia de Brandenburg registrou metade dos ataques contra refugiados e a seus abrigos, em relação ao mesmo período do ano de 2016.

Conforme resposta dada pelo Ministério do Interior, à bancada da esquerda na Câmara Estadual de Potsdam, de janeiro até o de fim março de 2017, foram registrados 39 crimes de motivação política como: insultos, incitação ao ódio e lesão corporal.

No mesmo período, do ano passado, foram registrados 77 delitos. 8 dos atuais 39 casos aconteceram em Cottbus. Em Potsdam, foram apenas 4 desse total.

Recuo também nas infrações penais
 

A polícia informou à deputada estadual do Die Linke, Andrea Johlige, que em 2016 ocorreram, 311 infrações penais em Brandenburg, contra 141 no ano de 2015 e 36 em 2014.

Segundo a polícia, os crimes com motivações raciais em comparação aos 3 primeiros meses de 2016 e 2017, decaíram de 18 para 13. No ano passado, ocorreu um total de 65 crimes, caracterizados por: lesões corporais, utilização de símbolos de organizações ilegais, ameaças e discursos de ódio.

Permaneceram estáveis nos 3 primeiros meses, os crimes contra assistentes de refugiados, onde em um dado momento, houve apenas um delito. De 2015 a 2016, já ocorreu um grande recuo na contagem de casos, de 22 para 6.

Tradução: Márcio Alexandre