ISIS AMEAÇA ATACAR NAS ELEIÇÕES FRANCESAS!
 

 


 

MACIÇAS AMEAÇAS DO ISIS NA VÉSPERA DAS ELEIÇÕES FRANCESAS

Andrew West

CONSTITUTION

06/05/2017

A França está em transe pela importante eleição neste fim de semana e as coisas podem se agravar ainda mais de acordo com o sindicato internacional de terroristas ISIS.

O grupo terrorista radical islâmico, que tem estado na mira das forças russas e sírias no Oriente Médio há algum tempo, tem explorado a crise dos refugiados da Síria de forma abominável nos últimos meses. Enquanto as nações européias continuam a brigar sobre a maneira apropriada de vetar ou aceitar os refugiados de nações assoladas pelo terror, os jihadistas estão facilmente entrando nas fileiras dos requerentes de asilo e viajando pelo mundo afora.

Nações como a França e a Suécia foram particularmente atingidas pela teia de horror espalhada pelo globo, e agora, com apenas algumas horas para que a França chegue às urnas, a liderança do ISIS está fazendo exigências doentias de sua grande dispersão de agentes “lobos solitários“.

O TERROR está crescendo na França em meio a revelações de que o ISIS fez uma chamada para os jihadis realizarem ataques de lobos solitários nas eleições este domingo.

Em um artigo publicado em uma edição francesa da revista mensal de propaganda do grupo extremista Rumiyah, os terroristas pedem a seus seguidores que "matem os candidatos" Marine Le Pen e Emmanuel Macron e "queimem as mesas eleitorais".

"O arrepiante apelo para o terror surge quando a França se prepara para votar no segundo turno de suas eleições presidenciais no fim de semana, conforme relatórios do Zero Hedge”.

"O artigo diz: "Não se esqueça de seu dever como muçulmano. Escolha um candidato para matar e um mesa eleitoral para queimar".

Os extremistas também exortam seus partidários a colocar sua fé em Allah acima da "falsa deidade" das democracias ocidentais e diz para se absterem de votar".

Embora esses tipos de ameaças vitriólicas certamente não são nada novas para os pregadores de desgraça, a facilidade com que o ISIS conseguiu atacar na França provoca uma grande preocupação aos observadores eleitorais.

A França tem sido o alvo do terror no ano passado, com uma multidão de ataques de uma infinidade de estilos sendo conduzidos dentro de suas fronteiras por mais de um ano.

Os franceses já estão preocupados com a reação violenta à eleição entre o magnata francês elitista e defensor do status-quo Emannuel Macron contra a candidata do Au nom de peuple Le Pen. Dada a mudança massiva na comunidade européia após o sucesso do voto de Brexit, muitos vêm esta eleição francesa como vital para a união européia como um todo.

Tradução: Heitor De Paola
 

 

 

Andrew West é um entusiasta político da Geórgia e amante da liberdade. Quando não está escrevendo, você pode encontrar Mr. West fazendo sua própria cerveja artesanal, aperfeiçoando suas receitas caseiras de molhos apimentados, ou tocando guitarra.